Manutenção de Máquinas Agrícolas

Publicado em 16/07/2020

As máquinas agrícolas se tornaram ferramentas fundamental na boa condução das lavouras de médio e grande porte.

Isso porque, além de reduzir o tempo das operações, os maquinários ajudam a reduzir custos e padronizar os manejos, eliminando possíveis erros humanos em cada tarefa.

No entanto, para que esse investimento realmente valha a pena e seja saudável para o seu negócio, cuidar da manutenção dos maquinários deve ser prioridade em sua fazenda.

Afinal, tratores e implementos desalinhados e desgastados podem prejudicar plantio, colheita e aplicação de insumos agrícolas.

Além disso, não cuidar da manutenção desses equipamentos faz com que eles estraguem mais facilmente, aumentando os gastos com reparos e fazendo com que os custos operacionais reduzam a margem de lucro das safras.

Por isso, se você deseja aproveitar ao máximo a capacidade produtiva de sua área, estar sempre atento as máquinas agrícolas é essencial.

E acredite, fazendo com que isso se torne um hábito você verá como avaliar esses equipamentos é simples e traz resultados incríveis na prática e no dia-a-dia da condução de sua lavoura.

Para solucionar qualquer dúvida que você tenha em relação a como fazer a manutenção de máquinas agrícolas sem complicação, separamos algumas dicas valiosas. Confira!

Gestão de Máquinas Agrícolas

Como fazer a manutenção de máquinas agrícolas com eficiência

Ao realizar a manutenção dos seus equipamentos agrícolas de forma recorrente e com disciplina, é possível aumentar a vida útil e reduzir a necessidade de gastar com concertos, reparos e reposições de peças caras.

Para isso, é importante que esse procedimento esteja dentro do seu planejamento agrícola.

Dessa forma, você saberá exatamente quando realizar a manutenção, agindo de maneira preventiva e ágil, evitando o retardamento das operações por estar com tratores parados ou com defeitos que gerem prejuízos e falhas na lavoura.

Em geral, existem 3 tipos de manutenção principais:

  • Manutenção preventiva: manutenção feita antes do surgimento de qualquer falha;
  • Manutenção corretiva: manutenção feita quando o maquinário apresenta qualquer problema;
  • Manutenção preditiva: manutenção feita no tempo recomendado pelo fabricante e de acordo com o desempenho das máquinas agrícolas.

A seguir, separamos 7 dicas preciosas para realizar a manutenção de suas máquinas agrícolas com agilidade, segurança e eficácia:

1. Uma equipe bem treinada

Seja para manutenções preventivas, preditivas ou corretivas, é extremamente importante contar com uma equipe qualificada para delegar essas tarefas.

Afinal, muitas fazendas ficam localizadas em regiões afastadas e esperar pela chegada dos profissionais ou levar as máquinas agrícolas até uma oficina especializada pode fazer com que o tempo gasto nesse processo seja ainda mais longo.

Caso você esteja no meio de uma operação importante, esse atraso pode resultar em perdas e prejuízos.

Por isso, dependendo do tamanho de sua propriedade e do momento de necessidade do reparo, vale a pena contar com uma equipe previamente treinada para solucionar os problemas com rapidez e qualidade.

Investir na capacitação dos profissionais é investir também na otimização das operações agrícolas de sua fazenda.

Sendo assim, pode ser interessante oferecer cursos e treinamento para os profissionais que operam os maquinários no dia-a-dia em sua fazenda.

2. Aparelhos e dispositivos necessários para medição

Para quem os profissionais possam trabalhar com autonomia e realizar as manutenções, ter aparelhos, dispositivos e equipamentos na propriedade também é fundamental.

Desse modo, será possível realizar testes de desempenho, medição de óleo, avaliação de peças, análise de pneus e motores, entre outras características relevantes no momento da manutenção.

Ter esses itens na propriedade facilita a tomada de decisões e deixa a avaliação mais rápida.

Nas manutenção preventivas e preditivas, por exemplo, esses aparelhos ajudarão a identificar se é preciso seguir para a manutenção corretiva ou não.

3. Ferramentas para manutenção

Caso seja mais estratégico para você ter uma equipe pronta na propriedade para lidar com essas questões operacionais, ter somente itens para medição e testes não será suficiente.

Isso porque, caso seja necessário corrigir e reparar algo, ainda será necessário chamar por um serviço especializado ou levar as máquinas agrícolas a uma oficina.

Para que o serviço possa ser feito de forma completa sem precisar se preocupar em sair da fazenda ou gastar além do planejado, vale a pena investir em ferramentas básicas e essenciais para ficar na propriedade.

Para escolher as melhores ferramentas, basta analisar o tipo de maquinário que você tem na fazenda e quais tipos de manutenção podem ser necessárias.

4. Manual do fabricante de todos os equipamentos

Mesmo com uma equipe de ponta, é importante seguir estritamente as recomendações do fabricante.

Desse modo, você evita desenvolver outros tipos de problemas e defeitos ou até mesmo de perder garantias.

Por isso, guarde e tenha sempre o manual de cada uma das máquinas e implementos agrícolas para que seja possível consultar possíveis dúvidas nesse documento.

Máquinas e Implementos Agrícolas

5. Almoxarifado organizado

Essa é mais uma dica valiosa e que parece simples, mas pode fazer total diferença em suas rotinas de manutenção.

Manter o almoxarifado organizado é a melhor forma de saber exatamente onde estão as ferramentas de medição, testes ou reparo em sua fazenda.

Além disso, essa organização facilita a gestão de estoque, outra característica que pode impactar diretamente na redução de custos e lucro do seu negócio!

6. Gestão de estoque em dia

A gestão de estoque é essencial para garantir a saúde financeira do seu negócio.

Com um estoque organizado e atualizado de forma automática, você sempre saberá o que tem ou não disponível no almoxarifado.

A partir dessas informações você poderá se planejar para repor itens ou fazer novas compras.

Sendo assim, se o seu estoque estiver sem controle, você corre o risco de comprar coisas que não precisa e se perder nos custos reais da safra.

7. Registro de manutenções corretivas

Além de manter a boa gestão do estoque, a gestão organizacional e o planejamento da safra também fazem parte de uma boa rotina de manutenção.

Isso porque é importante que você registre as manutenções corretivas e quanto tempo e dinheiro foi gasto em cada uma delas.

Além disso, também é preciso registrar as perdas decorrentes do possível defeito da máquina ou do tempo perdido com o equipamento parado.

Tudo isso será útil na hora de calcular os gastos totais com manutenção, a recorrência desses gastos e o quanto eles estão afetando o lucro de suas safras.

Feito isso, você conseguirá melhorar o planejamento, verificar gargalos em sua frota ou em suas operações e tomar decisões corretas para minimizar esses custos e preservar a vida útil de suas máquinas agrícolas.

 

Conclusão

As máquinas agrícolas são grandes auxiliadoras no aumento da produtividade da fazenda devido ao seu potencial de produção mais ágil, fácil, com menos perdas e menos custos de mão-de-obra.

Porém, elas exigem um cuidado recorrente para que possam produzir o esperado. Qualquer desvio pode custar muito para o produtor no faturamento da safra.

Por isso, as dicas que apresentamos são essenciais para realmente tirar o melhor proveitos das máquinas agrícolas, reduzindo os custos e os empecilhos para a lavoura.

 

---

Saiba mais sobre o único Software Agrícola completo do Brasil!

Fale com analista CHBAGRO

O CHBAGRO já atende 600 fazendas em todo país.

Se preferir, envie um e-mail para contato@chbagro.com.br ou ligue 16) 3713.0200.

 

Amanda Campos
Amanda Campos
Sou Engenheira Agrônoma especialista em produção e marketing de conteúdo para o Agronegócio. Fundadora da Agro Content.
Linkedin

Artigos Relacionados

VOLTAR

Ao clicar no botão “aceito”, o titular dos dados dará permissão para a captação e tratamento de seus dados para que o controlador dos dados os utilize de maneira a atingir suas pretensões pessoais, balizadas pela lei 13.709/18. Cumpre informar que ao clicar em “aceito” o titular dos dados concorda integralmente com a política de privacidade da empresa, disponível em: Política de Privacidade.